O diamante do universo

estrelaA BPM 37093, segundo estudos, se transformou em um único e enorme cristal de carbono com oxigênio, ou seja, virou um diamante
do tamanho aproximado da Terra.
Sua densidade aproximada é de 4 milhões de gramas por centimetro cubico e sua temperatura é superior à Sol,
variando de 12.000 a 12.500 graus Celsius.
"Há um estudo das variações das ondas de luz emitidas pelas estrelas pelas quais se analisa seu interior.
Não é possível ver diretamente o interior delas, escondido pela atmosfera.
Pode haver outras estrelas compostas de diamante, mas esta é a única que se conhece", afirmou Kepler.
"Sabe-se quais são as condições necessárias para produzir diamantes e elas são as mesmas existentes no interior dessa estrela
: um núcleo de carbono sob altíssima intensidade e o carbono, distribuído em formação cristalina, em redes cúbicas".

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: